Quais os motivos dos pacientes faltarem às consultas odontológicas

Os consultórios odontológicos podem assustar algumas pessoas? Apesar de a odontofobia existir, ela com certeza não é a causa. Segundo estimativa levantada por especialistas no setor odontológico, 62% dos pacientes visitaram o dentista cerca de um ano atrás, e 30% destes 62% retornam com cáries nos dentes.

O que fazer para que esta porcentagem visite semestralmente um dentista para correção de possíveis problemas antes destes se agravarem? Segundo estudos, os pacientes evitam consultórios por causa de costumes ou comportamentos que os levam a esta decisão. Podem ser inúmeros os motivos que levem a desistência, e acredite não existe apenas um.

Para descobrir os motivos que levem pacientes a desistirem das consultas, é preciso averiguar. Descobrir o que os faz desistir, bem como o que motiva os visitantes constantes a retornarem ao consultório. Utilizar os motivos que evitam para contorná-los, e utilizar os motivos que fazem querer retornar para incentivar.

Por que pacientes evitam consultórios?

Apesar de os consultórios odontológicos não serem assustadores, alguns dos motivos como o pavor de dentistas são um dos motivos. Contudo, muito poucos. Há outros motivos que explicam o porquê pacientes evitam consultórios. Confira!

#1 Como foi o tratamento do paciente ao chegar ao consultório odontológico?

A secretária recebeu de forma acolhedora o paciente? Ele se sentiu confortável enquanto aguardava? O primeiro contato é o que conta. Se a secretária foi fria, rude ou agiu de forma a não agradar ao paciente, este pode vir a ser um motivo que o não levaria a retornar.

Contudo, o tratamento vai muito além do consultório. No processo de confirmação de consulta, o paciente precisa ser avisado. Afinal, vivemos em um mundo caótico, onde é muito comum as pessoas esquecerem.

#2 O paciente é particular ou vinculado a convênio?

Quais os pacientes evitam consultórios constantemente se ausentando sem aviso prévio? Exatamente, não é necessário muito estudo para saber que a estratégia para marcar e confirmar uma consulta com um paciente por convênio é diferente da forma de tratar um paciente particular.

Para esta solução, busque confirmar duas vezes com o paciente por convênio. 72h e 24h bastam para fazer com que eles não esqueçam o compromisso firmado. Além disso, um overbooking também pode ser a solução (marcar 12 consultas para um dia onde apenas 10 podem ser feitas).

#3 O paciente faltou ao retorno, e agora?

Inúmeros fatores podem envolver o não retorno do paciente. Ele pode não ter gostado da estrutura, do atendimento (interpretou-o como demorado ou ineficiente) ou pode ser algo inerente ao próprio paciente. Isso inclui a desorganização, ao pouco valor dado a higiene bucal ou até mesmo um imprevisto ocorreu.

O que corrigir para manter um consultório odontológico atrativo

Os pacientes evitam consultórios em muitas vezes por fatores que fogem do poder da administração do odontologista. Contudo, o que pode ser feito é uma constante capacitação, organização e aproximação com o paciente.

A ideia é sempre aproximar o consultório. Trazer um bom atendimento, capacitar o serviço e investir no melhor serviço. Os pacientes evitam consultórios, mas nem sempre a culpa é do profissional. Mas o que pode ser feito é uma constante evolução, procurando corrigir o máximo de erros que esteja ao alcance do consultório odontológico.

About the Author:

Técnico em Prótese Dentária, Escultor, Empreendedor e Fundador do Instituto Cerâmica. Após criar saídas e soluções para os problemas entre o consultório e o laboratório, ajudei meus clientes a faturarem mais de R$ 100 Milhões de reais.

Leave A Comment